fbpx

Blog Nutrição e Saúde

    Sem categoria

O relato de um nutricionista e os desafios enfrentados

Definir, planejar, organizar, supervisionar e avaliar as atividades de assistência nutricional e de saúde do paciente. Essas são etapas importantes para a efetivação do cuidado da saúde de um indivíduo. Foi através deste processo que o nutricionista e auxiliar de enfermagem Petrucio Gomes da Silva conseguiu reverter o quadro de desnutrição de grau III de seu paciente. O especialista utilizou o Trophic 1.5, uma fo?rmula li?quida, nutricionalmente completa, com alta concentrac?a?o calo?rica, aliada ao exclusivo mix de protei?nas. Conversamos com Petrucio, que relatou esse caso de sucesso.

Prodiet – Qual o estado de saúde em que o paciente se encontrava antes do tratamento?

Petrucio – Iniciei a assistência nutricional de meu paciente no início de 2013, assim que saiu do hospital. Ele estava muito debilitado, havia sofrido um AVC e estava se recuperando. Porém, já estava com um comprometimento do esôfago, no qual foi diagnosticado, através de radiografia, um Divertículo Zenker. Foi preciso fazer gastrostomia para administração de dieta enteral. Aqui estava o maior desafio.

Prodiet – Qual foi o tratamento escolhido para esse caso?

Petrucio Meu paciente de 82 anos, com 1,70 de altura, estava pesando 38,2kg, sendo 63% água e 5,5% gordura. Através desta primeira avaliação, ficou detectado desnutrição grau III. Além disso estava com uma infecção urinária. A solução foi optar pela nutrição enteral, e o Trophic 1.5 foi escolhido por ser nutricionalmente completo, oferecendo tudo o que meu paciente precisava naquele momento tão delicado. No início, introduzia a fórmula através da sonda de forma fracionada, em quantidades progressivas, conforme a aceitação do organismo. A cada três horas era colocado 150ml do produto. Começava às sete da manhã até as onze da noite. Fui aprendendo com o comportamento do aparelho digestivo do meu paciente, fazendo um gotejamento com muita cautela e ouvindo o movimento peristáltico e seus ruídos no abdômen. O processo se repetiu até ele alcançar o peso necessário (50kg) para poder fazer a cirurgia do esôfago. Em aproximadamente onze meses ele já estava com 56kg, sendo 51,2% de água e 21,2% de gordura. A dieta utilizada contribuiu não apenas para que o paciente estivesse apto para a cirurgia, mas também para combater a infecção urinária e manter a pressão arterial adequada.

Prodiet – A cirurgia foi bem-sucedida?

Petrucio – Em fevereiro de 2015 ele fez a cirurgia no Hospital Osvaldo Cruz (SP), que consistiu em três etapas, devido ao divertículo ser muito grande. O médico responsável foi o professor da USP Dr. Paulo Sakai. Acompanhei o tratamento cirúrgico e o médico disse que com 30 anos de medicina nunca tinha visto um Divertículo de Zenker tão grande assim. Para se ter ideia nem água passava no esôfago, quanto mais se alimentar. Entretanto, o procedimento foi bem-sucedido.

Prodiet – Como o paciente se encontra atualmente?

Petrucio – Era um caso que até os médicos já consideravam perdido. Além de ter sofrido um AVC, logo em seguida ele ficou viúvo e vomitava assim que comia, porque o alimento não chegava no estômago, por isso emagreceu muito, em seguida teve a infecção urinária. Com a assistência nutricional, o ganho foi significativo e progressivo. Atualmente ele está com 62kg, bem-hidratado, gordura funcional adequada para a idade, caminha normalmente, além de comer tudo que pode e deseja. Ele ainda faz uso do Trophic 1.5, ingerindo dois copos por dia. É muito gratificante ver que hoje meu paciente, que foi desenganado pelos médicos, leva uma vida normal de um idoso de 85 anos.

af_PR000516I_Infografico_10Mai-01

Esclareça sempre com seu nutricionista todo o tipo de dúvida. Busque ficar por dentro dos resultados de seus exames e participe ativamente do seu tratamento.

Para mais informações sobre o Trophic 1.5, clique aqui.

Para encontrar os produtos Prodiet mais próximo de você, clique aqui.

POSTS RELACIONADOS