fbpx

Blog Nutrição e Saúde

Diabetes: Terapia Nutricional para manter a qualidade de vida

O Diabetes Mellitus é uma doença metabólica que afeta permanentemente o estado nutricional do paciente. Por isso, seja em regime hospitalar ou domiciliar, a orientação nutricional e a disciplina do paciente são fundamentais para manter a qualidade de vida do diabético.

A falta de controle clínico do paciente com Diabetes Mellitus leva a alterações da homeostase metabólica, com consequente aumento das necessidades de calorias e proteínas, induzido pelo catabolismo. Além disso, alterações na medicação ou a falta de apetite podem levar à descompensação da doença. A hiperglicemia pode acarretar o comprometimento do sistema imunológico e risco aumentado para infecções, com incremento da morbidade e mortalidade destes pacientes.

A Terapia Nutricional para pessoas com diabetes tem como objetivo principal manter a glicemia próxima aos valores de normalidade, independente da via de administração (oral, enteral ou parenteral). Nesse contexto, a individualização na abordagem dietética é um importante ponto de partida, levando em consideração as recomendações atuais para diabéticos, como a redução do teor de carboidratos e aumento de lipídios.

As formulações enterais especializadas permitem melhor controle glicêmico em curto e longo prazo, além de reduzirem a glicemia pós-prandial em pessoas com e sem diabetes. Em geral, quando comparados às formulações padrão, os alimentos para fins especiais contêm maior concentração de lipídios, em especial monoinsaturados, e menor presença de carboidratos.

Fonte: Projeto Diretrizes. Viviane Borges, Maria Isabel Correia e Jaqueline Alvarez-Leite.


POSTS RELACIONADOS