Blog Prodiet

21 de Setembro – Dia Mundial da Doença de Alzheimer

O Dia Mundial do Alzheimer tem como objetivo conscientizar a importância da prevenção, cuidado e apoio a Doença de Alzheimer (DA).

O Alzheimer é uma doença que afeta as funções cerebrais, causando a perda da memória e outras funcionalidades mentais importantes. Ela reduz a capacidade de relação social, interfere no comportamento e na personalidade da pessoa.

No início, a pessoa com Alzheimer começa a perder memórias mais recentes e, com a evolução da doença, até mesmo as tarefas de rotina (como tomar banho e escovar os dentes) podem tornar-se mais difíceis de serem executadas. O paciente com Alzheimer poderá depender de ajuda, pois a capacidade de atenção, compreensão e linguagem tendem a ser afetadas. De acordo com os dados da Associação Brasileira de Alzheimer (AbrAz), 50 milhões de pessoas sofrem de demência no mundo.

O Alzheimer é divido em três estágios: o inicial, intermediário e avançado.

– Estágio inicial: é marcado pela alteração na memória, personalidade, ter dificuldade de tomar decisões comuns, desmotivação, problemas de linguagem, mudanças de humor e reagir com raiva ou agressividade em certas situações.

– Estágio intermediário: a pessoa começa a esquecer nomes de familiares e eventos recentes, torna-se incapaz de cozinhar ou fazer compras, começa a se perder tanto em casa como fora, pode ter alucinações e começa a apresentar problemas no comportamento.

– Estágio avançado: torna a pessoa mais dependente de outras para suas atividades, os distúrbios de memória são mais graves, tem dificuldades para comer, comunicar-se, encontrar seu caminho de volta para casa e apresenta comportamentos impróprios em público.

Muitas vezes os sintomas de diferentes estágios, podem se mesclar em mesmo período, por isso esta divisão tem um caráter didático e não normativo. Cada indivíduo é único e apresenta diferentes sintomas.  

Alguns estudos indicam fatores importantes para o desenvolvimento da doença, mas as causas ainda não são totalmente conhecidas.

Ainda não existe uma cura para o Alzheimer, mas os avanços da medicina permitem que os pacientes tenham uma qualidade de vida melhor. Os tratamentos indicados podem ser farmacológicos ou não.

Para prevenir a doença, médicos indicam um estilo de vida saudável com atividades que mantenham a mente ativa como: estimular o cérebro aprendendo algo novo, fazer palavras cruzadas, praticar atividades físicas, controlar a diabetes, tomar sol e ter uma alimentação saudável.

É importante refletirmos sobre o impacto do Alzheimer em nossa sociedade que possui cada vez mais idosos. Por isso, informação e conhecimento geram condições de abranger o assunto da melhor forma possível e lidar com os efeitos da doença.

Referências:
http://www.blog.saude.gov.br/index.php/53529-dia-mundial-de-conscientizacao-sobre-a-doenca-alzheimer

http://abraz.org.br/web/sobre-alzheimer/evolucao-da-doenca/

http://abraz.org.br/web/2019/09/03/vamos-conversar-sobre-demencia-2/

https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/doenca-de-alzheimer/

POSTS RELACIONADOS